Mossoró 20 de Julho de 2019 04:33h
Polícia

Jovem é condenado a 40 anos de prisão por participação na morte de duas pessoas em festa em Mossoró

Crime aconteceu em fevereiro de 2018 e terminou com as mortes de Ellane Alline Jácome e de Moisés Wilkson da Silva Lopes. Julgamento aconteceu nesta quarta-feira (10).

11 de Julho de 2019 - 06:21hs

Jovem foi condenado por mortes em Mossoró — Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi

Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi

Do G1RN

Douglas Rafael da Silva, de 19 anos, foi condenado a 40 anos de prisão em regime fechado por participação no assassinato de Ellane Alline Jácome e de Moisés Wilkson da Silva Lopes em uma festa em Mossoró, na Região Oeste potiguar, em fevereiro do ano passado. A sentença foi dada em julgamento que ocorreu na tarde desta quarta-feira (10).

O crime aconteceu no dia 5 de fevereiro de 2018 durante uma festa em Mossoró. A investigação apontou que três pessoas, entre elas o acusado, atiraram no local. Ellane e Moisés morreram no mesmo dia. Além deles, outras cinco pessoas foram baleadas. Douglas Rafael foi atingido por um tiro na cabeça e, após alguns dias de internação no Hospital Regional Tarcísio Maia, ele foi preso.

"Esse crime foi praticado no contexto de rivalidade entre facções criminosas. Entendemos que não só o resultado, a condenação, foi justo, como a pena de 40 anos dada pelo magistrado foi justa", disse o promotor Ítalo Moreira Martins.Segundo a acusação, o jovem portava um rifle calibre 44, arma de uso restrito.

A defesa de Douglas, no entanto, aponta que ele não efetuou os disparos. "O rifle que ele estava, estava intacto, com as munições intactas, foi feito a perícia, não teve nenhum disparo. Foram duas pessoas que efetuaram esses disparos, só que elas não foram pegas, aí querem pegar toda essa responsabilidade e colocar para a pessoa que tinha sido atingida", disse o advogado de defesa, Guilherme Marinho.

Faça seu comentário

Canal Acontece RN

VT institucional - Portal Acontece