Mossoró 23 de Setembro de 2019 04:24h
Saúde

Justiça autoriza município a substituir marcas de insulinas

Diante das duas últimas licitações para adquirir as insulinas Lantus e Humalog terem sido desertas, ou seja, nenhuma empresa demonstrou interesse em fornecer os medicamentos, o município buscou autorização para fazer a substituição destas insulinas. A decisão judicial ratifica o parecer do Ministério Público, que demonstrou ser favorável ao pedido do município.

02 de Junho de 2017 - 16:29hs

Exibindo insulinas.jpeg

O município de Mossoró conseguiu na justiça a autorização para adquirir as insulinas Degludeca (Tresiba) e Asparte, em substituição a Glargina/Lantus e Lispro/Humalog. A decisão foi proferida pela juíza substituta da 2ª Vara da Fazenda Pública, Luara Holanda Rosado Fernandes.

Diante das duas últimas licitações para adquirir as insulinas Lantus e Humalog terem sido desertas, ou seja, nenhuma empresa demonstrou interesse em fornecer os medicamentos, o município buscou autorização para fazer a substituição destas insulinas. A decisão judicial ratifica o parecer do Ministério Público, que demonstrou ser favorável ao pedido do município.

Segundo o parecer de especialistas, as insulinas Degludeca (Tresiba) e Asparte são consideradas de ação prolongada e podem funcionar como alternativa terapêutica para o tratamento da diabetes.

A substituição não irá comprometer o tratamento dos pacientes que fazem uso contínuo das insulinas. Além de facilitar o processo de aquisição dos medicamentos, que deve seguir na próxima semana para a fase de finalização.

Faça seu comentário

Canal Acontece RN

VT institucional - Portal Acontece