Mossoró 31 de Março de 2020 03:33h
Estado

Ministério Público convoca investigados para prestar esclarecimentos sobre o Santuário de Santa Luzia

O inquérito civil apura irregularidades na contratação direta da empresa Escala Escritório de Cálculos Estruturais Ltda.

22 de Agosto de 2018 - 15:17hs

Do blog do Magnos 

A promotora de justiça Micaele Fortes Caddah convocou investigados para prestar esclarecimentos, no dia 24 de agosto, sobre a contratação direta de empresas para prestação de serviços que envolvia a construção do Santuário de Santa Luzia.

A investigação envolve o exprefeito Silveira Júnior e José Couto Filho, além de Alisson Kelly Lucena, Marcos Antônio Fernandes de Queiroz, Argemiro Brito Monteiro França e Nilson de Brito Feitoza, e as empresas Escala Escritório de Cálculos Estruturais Ltda e Associação  Técnico Científica Ernesto Luis de Oliveira Júnior-ATECEL. Nesta fase das investigações foram convocados  José Couto Filho e Alisson Kely Lucena.

O inquérito civil apura irregularidades na contratação direta da empresa Escala Escritório de Cálculos Estruturais Ltda. para elaboração de projeto arquitetônico do Santuário de Santa Luzia,  em detrimento da Concorrência n. 08/2014-SEINFRA; e da Associação  Técnico Científica Ernesto Luis de Oliveira Júnior-ATECEL, para prestação de serviços técnicos especializados de sondagem, na Serra Mossoró, objetivando o fornecimento de dados geotécnicos  para elaboração de estudos preliminares destinados à construção do Santuário de Santa Luzia

Esse processo nada mais é que mais um engodo envolvendo a famigerada promessa de construção de um santuário a partir da doação milionária de um empresário que não pagava nem as próprias contas.

 

Faça seu comentário

Canal Acontece RN

VT institucional - Portal Acontece