Mossoró 31 de Março de 2020 11:03h
Política

Oposição promete desgastar Moraes durante sabatina no Senado

Duas das estratégias serão alongar a discussão ao máximo e focar nos pontos fracos currículo do ministro licenciado

21 de Fevereiro de 2017 - 09:20hs

© REUTERS / Adriano Machado

A maioria governista dificilmente falhará na aprovação do ministro da Justiça licenciado Alexandre Moraes à vaga de ministro do Supremo Tribunal Federal (STF). Sabendo disso, a oposição promete uma longa e desgastante sabatina  nesta terça-feira (21), na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ).

Segundo a Folha de S. Paulo, os oposicionistas terão dois focos de ação: destacar os pontos fracos do currículo de Moraes e, ainda, questionar a legitimidade do presidente da comissão, Edison Lobão (PMDB-MA), que, como outros nove integrantes da CCJ, são investigados pela Lava Jato.

Em 2015, o governo de hoje, à época oposição, aplicou estratégia similar à sabatina do então advogado Edson Fachin, indicado pela ex-presidente Dilma Rousseff a um posto de ministro do Supremo - o debate durou 12 horas.

 

*Folha de S. Paulo

 

Faça seu comentário

Canal Acontece RN

VT institucional - Portal Acontece