Mossoró 04 de Julho de 2020 17:28h
Geral

Prefeitura de Mossoró inicia licitação da limpeza urbana

Agora, os documentos serão analisados e, posteriormente, agendada nova sessão para divulgação das empresas habilitadas, com previsão para as primeiras semanas de janeiro de 2018.

22 de Dezembro de 2017 - 07:18hs

A Prefeitura de Mossoró iniciou, ontem 21, o processo de licitação do serviço de limpeza urbana. A sessão realizada foi para credenciamento das empresas e entrega de documentos para habilitação, além das propostas de preços. Seis empresas foram credenciadas.

Agora, os documentos serão analisados e, posteriomente, agendada nova sessão para divulgação das empresas habilitadas, com previsão para as primeiras semanas de janeiro de 2018. Antes, foi estabelecido prazo de dois dias úteis para apresentação de questionamentos pelas empresas credenciadas.

A secretária municipal de Infraestrutura, Meio Ambiente, Urbanismo e Serviços Urbanos, Kátia Pinto, destaca que não é possível fazer uma previsão para conclusão do certame, mas espera que ocorra em dois meses. “Esperamos que corra tranquilamente e que não haja impugnações para que a gente possa assinar o contrato em dois meses”, declarou.

Kátia Pinto acrescentou que a licitação conta com acompanhamento de equipe jurídica da Secretaria Executiva de Licitações e do corpo técnico da Secretaria de Infraestrutura, Meio Ambiente, Urbanismo e Serviços Urbano para dirimir todas as dúvidas. “Trata-se de um processo que despertou o interesse de mais de 60 empresas e que o município está realizando para contar em breve com um serviço contratado por meio de concorrência pública”, concluiu.

O serviço de limpeza urbana de Mossoró está sendo licitado novamente depois de 12 anos. A primeira e única vez em que esse procedimento foi adotado foi em 2005. O contrato oferecido pela Prefeitura de Mossoró é de quatro anos.

O certame engloba diversos serviços, incluindo a operação do aterro sanitário, coleta manual e transporte de resíduos sólidos domiciliares, coleta manual e mecanizada de entulho, coleta de resíduos de podas e remoção de árvores, varrição manual e mecanizada de vias e logradouros públicos, capina mecanizada, limpeza de córregos, canais e sistema de drenagem, capina manual, raspagem manual e pintura de meio fio, limpeza e conservação de praças, além de todo o maquinário necessário para a execução desses serviços. O edital prevê uma estrutura mínima de pessoal e de máquinas, que inclui quase 300 pessoas e cerca de 100 máquinas.

Faça seu comentário

Canal Acontece RN

VT institucional - Portal Acontece