Mossoró 13 de Dezembro de 2018 22:12h
Saúde

Secretaria de Saúde oferta serviço de acupuntura gratuitamente aos mossoroenses

A acupuntura é um método terapêutico de caráter preventivo e tem mais de 3000 mil anos no mundo.

12 de Março de 2018 - 11:39hs

Resultado de imagem para acupuntura

Já pensou em se tratar de doenças como depressão, insônia, ansiedade e dores de maneira geral gratuitamente pela Prefeitura de Mossoró? O Município vem investindo no serviço de acupuntura, ramo da medicina tradicional chinesa, com o objetivo de ajudar na cura e prevenção dessas doenças, de acordo com à Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares (PICs) do Sistema Único de Saúde (SUS).

A acupuntura é um método terapêutico de caráter preventivo e tem mais de 3000 mil anos no mundo. A terapia milenar é destinada aos mais variados públicos, tanto a crianças a partir de um ano que estão, por exemplo, com dificuldade de atenção, insônia, enurese noturna ou aos adultos que sofrem com lombalgia, artrite, artrose, enxaqueca, insônia, depressão, ansiedade generalizada e mais outras 400 doenças que a acupuntura pode ajudar no tratamento, segundo o Ministério da Saúde.

A senhora Antônia Lucia, 48 anos, chegou cedo no Centro Clínico Evangélico e ficou muito relaxada após a sessão de acupuntura, antes ela se queixava de dores musculares.

Já a dona Helena Dantas, 46 anos, disse que vem fazendo o tratamento há algum tempo e conseguiu reduzir 80% das dores de sua hérnia de disco com a acupuntura. Segundo ela toda população precisa conhecer esse serviço. 
 

“Associado a acupuntura eu faço o tratamento auricular, que são microagulhas auriculares específicas para orelha, também com o objetivo de auxiliar no tratamento das patologias. Eu faço esses dois procedimentos em todos os pacientes que aparecem aqui.”, afirma o acupunturista Paulo Nobre.

O tamanho da agulha é de um fio de cabelo, sendo que todo procedimento é realizado por Paulo Nobre, profissional com vasta experiência e muito tempo de atuação no mercado, que sabe o ponto certo, a melhor posição e ângulo de inserir a agulha. “O nível de dor é mínimo, a maioria das pessoas nem sente nada. Às vezes é o próprio medo, o não conhecimento do tratamento, porque muita gente pensa que é uma agulha de injeção e não é.”, tranquiliza Paulo Nobre. O profissional afirma ainda que o usuário não precisa parar nenhum outro tratamento que venha fazendo para praticar a acupuntura, porque é possível fazer concomitantemente.

Quem deseja solicitar a assistência do serviço o paciente deve procurar uma Unidade Básica de Saúde (UBS) de seu bairro, passar pelo atendimento e receber o encaminhamento do Clínico Geral. O Clínico irá diagnosticar e direcionar o usuário de acordo com a patologia. Logo em seguida ele deverá se dirigir ao Centro Clínico Evangélico com o encaminhamento assinado e lá será marcada a sessão de acupuntura. Os atendimentos ocorrem nas segundas e quartas-feiras, pela manhã e tarde. Na atual gestão mais de mil mossoroenses já receberam a assistência na cidade.

Faça seu comentário

Canal Acontece RN

VT "Autismo: entenda o ritmo de cada um"