Mossoró 16 de Setembro de 2019 21:39h
TV & Celebridades

Tiago Leifert diz que não será fácil substituir Bial no ‘BBB’: ‘É um gênio’

À frente do ‘The voice Brasil’, jornalista estreia novo programa sobre games neste sábado

23 de Outubro de 2016 - 09:48hs

Tiago Leifert diz que não será fácil substituir Bial no ‘BBB’: ‘É um gênio’

Tiago Leifert é o primeiro a admitir que não será tarefa fácil substituir Pedro Bial no “Big Brother Brasil”, em janeiro, na 17ª edição do reality. Anunciada há dois meses, a troca de apresentadores — motivada por um talk-show que Bial prepara para ocupar o lugar de Jô Soares no ano que vem, na Globo — gerou uma onda de reclamações na internet.

— Eu também reclamaria. Bial é uma marca, um gênio. É óbvio que as pessoas iriam chiar com a saída dele. Sempre pensei: “o cara que substituir Bial no ‘BBB’ está ferrado” — brinca.

Leifert, no caso, está é com o tempo tomado pelo trabalho. Ele se ocupa da quinta temporada do “The voice Brasil”, exibido nas noites de quinta-feira, e do “Zero1”, que estreia na madrugada deste sábado, dia 22, depois do “Altas horas”. O novo programa mostrará o jornalista à vontade em um universo que ele domina, o dos videogames.

— Falava muito de games, por exemplo, no “Globo Esporte São Paulo” (ele apresentou a atração, onde se destacou por seu jeito espontâneo, de janeiro de 2009 a julho de 2015). Fora isso, sempre fui louco por tecnologia e sou um gamer alucinado.

O jornalista receberá convidados para comentar games e aplicativos e ainda disputará uma partida a cada edição. Ele defende que o programa não deve ficar restrito ao público nerd:

— Todo mundo hoje, de um jeito ou de outro, faz parte desse universo. Os nerds dominaram o mundo. Estamos no seu smartphone, na sua TV, em todos os lugares.

O convidado de hoje será Wendell Lira, ex-jogador de futebol que ganhou o Prémio Puskás com o gol mais bonito de 2015, mas largou tudo para jogar videogame profissionalmente.

Com todas as funções atuais, ele diz ainda não ter tido tempo para pensar como imprimir a sua personalidade na apresentação do reality mais popular e duradouro da TV aberta:

— Vou respeitar o legado do Bial, ele deixou sua marca. Ainda não sei como serão os meus discursos de eliminação, por exemplo. Mas isso vai surgir de forma orgânica. Para mim, o apresentador ali representa o público, representa o Big Brother, ele é o olho, a câmera. Vou encontrar meu jeito de fazer.

Para dar conta do “BBB”, o jornalista deixou o time de apresentadores do “É de casa”, no final de agosto. Ele será substituído por André Marques na próxima edição do “The voice kids”, no ano que vem.

— Não dá para fazer tudo. O “The Voice” suga quase 100% do meu tempo. Quando a gente relaxa, dá problema, e eu não me permito relaxar. Apesar de ali eu ser só o apresentador e não o dono do formato — avalia ele, no comando do reality musical desde a primeira temporada, em 2012.

 

Núcleo de Boninho

Leifert se dividiu entre as áreas de Jornalismo e Entretenimento da Globo até julho do ano passado, quando migrou integralmente para a segunda, com a estreia do “É de casa”. Diz ter tido na atração dos sábados a “oportunidade de fazer um monte de coisas que jamais imaginou”:

— Fiz pautas sobre assuntos variados e, como tenho ilha de edição em casa, editava as matérias que fazia na rua. É um programa ao vivo, com três horas, num horário difícil. Mas saí na hora que deu certo, em que a gente respirou aliviado.

Assim como os outros projetos em que está envolvido, o “Zero1” faz parte do núcleo de produção de Boninho. A primeira temporada do programa sobre o universo geek deve ficar no ar até dezembro:

— Eles entenderam que consigo fazer várias coisas, e confio na opinião dos meus chefes.

Foi Boninho quem ligou para Leifert para dar a notícia de que ele iria apresentar o “BBB”:

— Certamente fui o último a saber da decisão. Engraçado é que tinha visto o Bial uns dias antes e nem pensava nisso. Tem tanta gente na Globo… E o “BBB” é o reality mais importante da casa. É um selo de qualidade ser chamado para estar ali — afirma ele, que já acompanhava o programa: — Tinha pay per view em casa e tudo.

Faça seu comentário

Canal Acontece RN

VT institucional - Portal Acontece